A Volta a caminho do Nordeste Transmontano com chuva
Home > Notícias > Volta > A Volta a caminho do Nordeste Transmontano com chuva
Volta
A Volta a caminho do Nordeste Transmontano com chuva
15:30 - 07 agosto, 2019

Depois do Dia de Descanso, a 81ª Volta a Portugal Santander partiu rumo a Bragança para mais uma longa etapa com 189,2 quilómetros. É o início da derradeira fase competitiva que vai terminar no próximo domingo, no Porto.

Partilha este artigo

O céu cinzento alinhou-se com o pesar do minuto de silêncio respeitado ao final desta manhã em homenagem ao jovem corredor Bjorg Lambrecht que morreu na sequência de uma queda na Polónia. Em Torre de Moncorvo, a chuva não era forte, mas viram-se alguns chapéus e o pelotão introspetivo evocou a fragilidade humana, ainda mais quando se move em duas rodas.

Depois do Dia de Descanso, a 81ª Volta a Portugal Santander partiu rumo a Bragança para mais uma longa etapa com 189,2 quilómetros. É o início da derradeira fase competitiva que vai terminar no próximo domingo, no Porto.

Gustavo Veloso é o homem da Camisola Amarela Santander e entre os cinco primeiros classificados, onde estão os principais rivais do espanhol da W52-FC Porto, há apenas 45 segundos.

Esta 6ª etapa começou em plano inclinado e com uma luta intensa pelo Prémio de Montanha. Nas três contagens de 3ª categoria, Luís Gomes já conseguiu destronar o anterior “Rei dos Trepadores”. O homem da Rádio Popular-Boavista ganhou duas das três contagens que já ficaram para trás e agora só tem de chegar a Bragança para vestir a Camisola Azul Liberty Seguros.

Depois da segunda montanha, com 40 quilómetros percorridos, formou-se na frente um grupo com 25 homens onde estavam os principais candidatos ao triunfo na Volta, mas onde a equipa do líder levava seis elementos.

Com a passagem em primeiro lugar na Meta Volante de Mogadouro, Daniel Mestre reforçou a liderança dos Pontos e a Camisola Verde Rubis Gás.

Percorridos 80 quilómetros, o pelotão seguia o rasto da fuga, com apenas 30 segundos de desvantagem, e já a tinha em linha de vista.

É expectável uma chegada ao sprint a Bragança, cerca das 17h30. A longa reta de meta favorável aos velocistas está à espera.

Notícias Relacionadas
Destaques
Ver todos
15:40 - 03 agosto, 2019
13:00 - 03 agosto, 2019
12:20 - 03 agosto, 2019